Ações ABDI

Página Inicial > Notícias

Voltar

ABDI Na mídia Newsletters

ABDI apresenta soluções de manufatura avançada na Expomafe

Brasília, 18 de maio de 2017 – O futuro da indústria brasileira está na conexão entre complexos industriais consolidados e as soluções voltadas para a digitalização de processos e para a conectividade. Muitas das tecnologias necessárias a esta transformação estão sendo apresentadas por empresas brasileiras e, dentre elas, algumas empresas nascentes inovadoras, as chamadas startups.    

Exemplo disso foi a plataforma demonstradora de manufatura avançada (4.0), apoiada pela Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), durante a Feira Internacional de Máquinas-Ferramenta e Automação Industrial (Expomafe 2017), realizada de 9 a 13 de maio, em São Paulo. Quem passou pelo estande da plataforma teve a oportunidade de ver de perto o potencial das inovações dessa nova indústria, conhecer os produtos e soluções oferecidos por startups e pode conhecer os projetos da ABDI voltados para fomentar a inovação do setor industrial.

Na linha de demonstração, foram produzidas mais de 500 unidades de porta-celulares customizados para os visitantes. “Este não é mais o futuro. É o nosso presente. Caminhamos para a digitalização da indústria, onde todas as operações poderão ser executadas remotamente, de forma coordenada e autônoma, com otimização da produtividade e a redução de custos”, explicou o presidente da ABDI, Guto Ferreira.

O projeto foi desenvolvido pela Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (Abimaq), em parceria com a ABDI, e o apoio de 20 empresas, seis startups, Senai-SP, Instituto Mauá de Tecnologia, Centro Universitário FEI, Financiadora de Estudos e Projetos (Finep) e a Fapesp. O diretor de Desenvolvimento Produtivo e Tecnológico da ABDI, Miguel Nery, esteve presente na abertura da Feira, acompanhado da equipe da gerência de Inovação da Agência.

Segundo a gerente de Inovação, Elisa Carlos, coube à Agência apresentar na Feira os cenários de uma indústria nacional totalmente inovadora. “Fizemos questão da participação de startups focadas em automação, conectividade, melhoria de processos e inteligência artificial, todas envolvidas no projeto e na execução da plataforma demonstradora”, explicou Elisa.

Manufatura avançada

Durante a Expomafe, a ABDI viabilizou a participação de seis startups que trabalharam na linha de fabricação inteligente e de outras 10 startups que participaram como expositoras de tecnologias ou processos de manufatura avançada dentro do estande da plataforma.

“A participação das startups e a parceria com a ABDI foram fundamentais para essa iniciativa. Montamos aqui o nosso corredor da conexão startup indústria e mostramos de forma concreta como é possível apresentar soluções viáveis para o setor industrial. As empresas conheceram exemplos reais de soluções industriais desenvolvidas por startups. Foi um sucesso absoluto. As startups saíram com uma visibilidade enorme. Foi muito oportuna essa conexão entre manufatura avançada e as startpus”, avaliou o diretor executivo de Tecnologia da Abimaq, João Alfredo Delgado.

A empresa Virtual CAE, uma startup especializada no desenvolvimento de software para otimização estrutural de dispositivos mecânicos e dinâmica veicular, também participou  como expositora no estande da plataforma.  “Estamos tentando tirar o máximo de proveito da oportunidade de participar da Expomafe.  O ganho de visibilidade gerado por essa iniciativa é imenso e temos de agradecer à ABDI por esse apoio”, afirmou Leandro Garbin, CEO da Virtual CAE.

Para o CEO da  startup Peerdustry, Bruno Gellert, a possibilidade de estar numa feira oficial do setor de máquinas e equipamentos é uma oportunidade única. “Poder participar desse evento conta muito e coloca as startups num patamar profissional muito elevado frente à indústria. O trabalho viabilizado pelo apoio da ABDI é fundamental para disseminar o conhecimento, demonstrar nossa capacidade técnica e acelerar de forma muito positiva a inserção das startups no ambiente industrial. Foram realizados mais de 100 atendimentos a profissionais com poder decisão e abrimos vários contatos com empresas”, agradeceu Gellert.

Os técnicos da gerência de Inovação Isabela Gaya e Valdenio Araújo acompanharam toda a jornada de atividades e eventos associados e divulgaram as ações da ABDI voltadas à  manufatura avançada e ao fortalecimento da indústria e do ecossistema de inovação brasileiro, incluindo o de startups. Também foram divulgadas informações sobre o Programa Conexão Startup Indústria, que deverá investir R$ 50 milhões, nos próximos três anos, em projetos inovadores para a indústria nacional.

“Com essa demonstração, a ABDI apresentou algumas das aplicações da transformação digital da indústria, marcada por bens de capital inteligentes, conectividade, soluções de startups e novos modelos de negócio com foco em inovação e produtividade”, finalizou o presidente da ABDI, Guto Ferreira.

Assessoria de Comunicação
Bruna de Castro
(61)3962-8700
imprensa@abdi.com.br