Ações ABDI

Página Inicial > Notícias

Voltar

ABDI Na mídia Newsletters

Duas indústrias confirmam compra de pilotos produzidos por startups

O relacionamento entre as empresas foi possível pelo Programa Conexão Startup Indústria

Brasília, 30 de janeiro de 2018 - A Votorantim e a Ericsson confirmaram a intenção de compra de pilotos de duas startups - Geoinova e Nearbee, respectivamente. A ligação entre as empresas se deu por meio do Programa Conexão Startup Indústria, da Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI). As duas startups receberam o prêmio de R$ 200 mil da ABDI ao concluir a rodada de negócios, uma das seis fases do programa. O fim da rodada de negócio é o êxito da startup em vender a solução para as grandes empresas.

No primeiro edital do programa Conexão Startup Indústria foram selecionadas 10 indústria, 27 startups e cinco instituições de apoio, de um total de quase 400 empresas inscritas. Primeiramente, as indústrias analisaram as competências técnicas de cada startup com potencial de resolver o seu problema. Depois da análise prévia, as startups escolhidas foram premiadas pelo programa — R$ 80 mil da ABDI — e começaram a desenvolver, juntamente com a indústria, uma solução. Esta fase, onde é verificada a viabilidade técnica, é, exatamente, a prova conceito. O próximo passo é fazer um piloto — onde a startup entrega um lote de testes do produto.

O gerente de Distribuição da Ericsson, Henrique Leandro da Silveira, aponta que o programa possibilitou o desenvolvimento de soluções para a empresa de forma ágil. “O trabalho em conjunto com a Nearbee está ocorrendo há seis meses. Já estamos terminando o piloto de um software de gerenciamento de transporte. Vamos unificar três aplicativos que funcionavam de forma separada, o que vai representar velocidade e diminuição de erros”. Silveira relata que atualmente os aplicativos funcionam de forma isolada, exigindo que uma pessoa colete as informações de um e passe para outro.

No último dia 29, os coordenadores das 10 indústrias participantes estiveram reunidos com a ABDI em São Paulo. No encontro, houve o compartilhamento de ideias como explica a representante da Agência, Isabela Gaya. “As indústrias estão engajadas no Programa. A proposta é entender melhor os processos de conexão entre startups e indústria e, a partir disso, replicar os modelos, resultados e aprendizados para outras empresas", relata. O Conexão Startup Indústria lançou o primeiro edital em 2017, neste ano o programa vai para a segunda edição.