ENCONTRE AQUI

ABDI e prefeitura de Sergipe firmam parceria em Cidades Inteligentes

A ABDI assinou, nesta sexta-feira, com a prefeitura do município de Itabaiana, Memorando de Entendimento para o projeto de Cidades Inteligentes

CCOM | 12/02/2021

O Memorando de Entendimento foi assinado pelo presidente da Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), Igor Calvet, e pelo prefeito Adailton Resende Sousa, na Câmara Municipal de Itabaiana, nesta sexta-feira (12/2).  O documento permitirá a cooperação na elaboração e na viabilização de programas e projetos de Cidades Inteligentes. Além dos dois líderes, dez prefeitos de outros municípios sergipanos estiveram presentes no evento.

De acordo com Igor Calvet, Cidades Inteligentes é uma tendência mundial. “O município de Itabaiana é o primeiro do estado de Sergipe a receber uma missão técnica da ABDI para estudar a viabilidade de um projeto em Cidades Inteligente que é, basicamente, como nós inserimos a tecnologia dentro da cidade para melhorar a vida dos cidadãos”, explicou. A experiência a ser compartilhada não deve ficar restrita ao município, estimulando a inovação em todo o estado.

O Memorando prevê a realização de estudos, o intercâmbio de informações, conhecimentos e experiências visando ao desenvolvimento de projetos, indicadores e pesquisas nas áreas de interesse das duas instituições. “Esta é uma oportunidade que os gestores têm de dar aos municípios projetos customizados e que atendam necessidades específicas. Isso já está à disposição dos municípios”, acrescentou Calvet. 

Recursos 

Para o prefeito de Itabaiana, que liderou a mobilização das prefeituras da região para conhecer os projetos de Cidades Inteligentes da ABDI, investir em inovação deve estar nas prioridades dos gestores locais. “Com a tecnologia a gente vai avançar. Este é uma momento importante não apenas para Itabaiana mas para todos da região”, explicou. 

Após a assinatura do memorando, o senador por Sergipe, Alessandro Vieira (Cid), declarou que pretende aportar recursos para a execução da primeira etapa do projeto. Embora ainda dependa de estudo e detalhamento técnico, a expectativa é que Itabaiana tenha investimentos em segurança pública e gestão digital de tráfego nos acessos à cidade.