ENCONTRE AQUI

Plataforma conecta ofertantes e demandantes da Construção Civil em Alagoas

O Construção Alagoas em Rede, projeto do Digital.br da ABDI, apresentou plataforma que vai oferecer informações confiáveis sobre fornecedores e prestadores de serviços do setor

CCOM | 22/07/2021

 “A transição digital é uma mudança de cultura e de paradigma. É preciso a tríplice- hélice: academia, setor privado e poder público; esse ecossistema de inovação que traz os estímulos corretos para que se tenha um desenvolvimento econômico aliado à inovação no setor”, destacou o prefeito de Maceió, JHC. A afirmação foi feita durante apresentação da plataforma Digital Construção, do projeto Construção Alagoas em Rede, um dos oito contemplados no edital do Digital.br.

O projeto do Construção Alagoas em Rede consiste em uma plataforma on-line que irá unir ofertantes e demandantes de serviços e produtos no segmento da construção civil, diminuindo o risco de contratação de pessoas que estão fora do ciclo tradicional de fornecedores da cadeia, e permitindo a avaliação dos compradores com maior segurança na prestação do serviço/produto. O projeto deve impactar cerca de 30 empresas fornecedoras e prestadoras de serviços, de micro, pequenos e médios negócios da cadeia, nos municípios de Maceió e Arapiraca.

Na indústria da construção civil, conhecida por ser uma das mais tradicionais e artesanais, o maior desafio da transformação digital é levar novos processos, mentalidade digital e tecnologias para o dia a dia de todos os profissionais da cadeia. De acordo com Vinícius Lages, diretor técnico do Sebrae-AL e um dos principais parceiros do projeto, a construção civil é uma das principais cadeias da economia brasileira e envolve vários atores entre o fornecimento de bens e serviços.

“O projeto nos ajudou, de maneira integrada a fortalecer laços de cooperação que já existiam. Um dos nossos grandes desafios é podermos desenvolver, através dessa plataforma, um ambiente de negócios que facilite as trocas, reduza a assimetria de informações e vá qualificando oferta e facilitando a vida das empresas demandantes, as construtoras, à medida que você terá um povoamento dessa base”, projetou.

Para o Analista de Produtividade e Inovação da ABDI, Roberto Pedreira, a transformação digital perpassa uma tríade formada por tecnologia, cultura e pessoas. “A busca da agregação de valor dentro desse triângulo é a direção do conceito de transformação digital. A expectativa da ABDI é que seja possível criar uma política pública voltada para este setor e que ganhe musculatura para que realmente ocorra essa transformação”, concluiu.

O vice-presidente da Federação das Indústrias do Estado de Alagoas (FIEA), José da Silva Nogueira, constatou que quem não acompanhar esse movimento digital de inovação “vai ficar de fora”. De acordo com ele, “a indústria precisa baixar seus custos, evoluir. O grande resultado desse projeto será desenvolver a cadeia e fortalecer o ecossistema de inovação e construção civil de Maceió. Todo o setor de construção vai se beneficiar”, afirmou.

Eliana Sá, gestora do projeto pela FIEA destacou que “o programa Digital.BR, consolida esse novo direcionamento da ABDI no sentido de  promover efetivamente o desenvolvimento da indústria, e mais que isso, de fazer com que o setor industrial entre definitivamente nesse novo paradigma de produção, que é a indústria 4.0”. 

A Plataforma

Digital Construção é uma plataforma digital que foi idealizada para atender às necessidades de aperfeiçoar processos de contratação de empresas prestadoras de serviços para a cadeia de construção civil. 

O presidente do Sindicato da Industria da Construção Civil – AL (Sinduscon-AL), Alfredo Breda, acredita que o projeto servirá de referência para o Brasil e que sua escalabilidade é essencial. “Eu acredito que esse projeto vai se difundir pelas outras regiões do Brasil com a capilaridade dos Sinduscons (sindicatos da construção civil nos estados). Teremos um grande sucesso com essa plataforma”, destacou.

Para Bruno Soares, representante da Rocha Empreendimentos, um dos demandantes cadastrados, a plataforma ajudará muitas construtoras, fornecedoras, ao otimizar tempo e contratações. “Hoje um dos grandes gargalos é achar fornecedores que atendam às nossas necessidades. Com essa ferramenta, será possível dar mais fluidez a esse processo”, esclareceu.

Já a ofertante Caroline Plech da empresa Vibrato Acústica, diz que a plataforma ajuda demandantes encontrarem ofertantes mais qualificados, principalmente, áreas específicas como a dela. ”Tanto cliente final quanto construtoras e parceiros conseguem visualizar as nossas credenciais no nosso perfil e perceber a nossa qualidade e o nosso diferencial e isso nos dá um selo de qualidade, mais visibilidade e possibilidades”.

Digital.br

O Edital da ABDI tem foco na criação de uma rede para fomentar a transformação digital de micro, pequenas e médias empresas instaladas exclusivamente na região Nordeste, com investimentos totais de R$ 14 milhões.

Os oito selecionados são: Digitaliza PMI, Petrolina Economia Digital e Pernambuco 4.0, de Pernambuco; RASTUM e Redes Obras Digitais, ambos do Ceará; Rede Sudoeste Inova, da Bahia; Transforma RN, do Rio Grande do Norte; e Construção Alagoas em Rede, de Alagoas. 

SAIBA MAIS