ABDI participa do Congresso Latinoamericano Satélites 2023

ABDI participa do Congresso Latinoamericano Satélites 2023

Diretora da Agência falou sobre a importância de tecnologias como o 5G para promover o desenvolvimento da indústria no país

A diretora de Economia Sustentável e Industrialização da Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), Perpétua Almeida, representou a Agência nesta quinta-feira, 28, no Congresso Latinoamericano Satélites 2023, realizado no Rio de Janeiro (RJ).
 
O Congresso, considerado o mais importante evento focado no mercado de serviços, aplicações e tecnologias via satélite do Brasil, tratou de temas como satélites de nova geração e soluções integradas, estratégias de mercado, inovação, políticas públicas e regulamentação dos serviços, 5G, dentre outros.
 
A diretora destacou a importância da ABDI no processo de transformação digital e uso de tecnologias 5G. “A nossa agência tem feito testes importantes com o uso de tecnologias 5G, trazendo resultados que transformam a economia brasileira e os diversos segmentos industriais. Nesse sentido, é muito importante o uso complementar de diferentes tecnologias, como celular, fibra e satélite, onde se encaixem tecnologias mais adequadas e eficientes”.
 
Perpétua falou ainda sobre o Acordo de Cooperação com a Anatel para a realização de testes do uso empresarial de redes privativas de tecnologia 5G.  “Nosso objetivo é gerar informações e dados para suportar os atos regulatórios e, nesse caso, também validar o uso de faixas espectrais e potência, entre outros elementos adequados aos cenários variados e, nos casos de uso específicos, como os dos segmentos econômicos da indústria de manufatura, saúde e agronegócio”, disse.

Para ela, o desenvolvimento de tecnologias de inovação vai além de questões técnicas e impacta, inclusive, na soberania do Brasil. “São decisões com profundas implicações sobre a atividade econômica, a vida social dos brasileiros e a soberania do nosso país. Quando falamos de redes privativas, a convergência entre 5G, satélites e wi-fi é fundamental. As redes privativas estão moldando o futuro da inovação no Brasil. Elas não são simplesmente redes de telecomunicação. Elas são soluções personalizadas para atender às necessidades específicas de setores como indústria, serviços, agropecuário e negócios”.

Multimídia

MetaIndústria

Mais Vistas