ABDI passa a integrar o Instituto Amazônia+21

A Agência terá assento no Conselho Estratégico do instituto, junto a três empresas

A Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI) passou a integrar o Instituto Amazônia+21, junto a três empresas: Santo Antônio Energia, a Energisa Rondônia, e White Solder. As quatro entidades passam a ter assento no Conselho Estratégico do instituto, no qual já figura a Confederação Nacional da Indústria (CNI). O ato de formalização do ingresso dos novos associados aconteceu, nesta terça-feira (28), durante a Segunda Reunião Extraordinária do Conselho Estratégico.

O instituto Amazônia+21 é uma iniciativa empresarial para a promoção de negócios sustentáveis na Amazônia Legal.

“A ABDI tem um papel fundamental, pois não dá para pensar desenvolvimento sustentável sem inovação, digitalização e avanço tecnológico”, destacou Marcelo Thomé, CEO do instituto e presidente da Ação Pró-Amazônia, instituição que reúne as federações de indústrias dos nove estados da Amazônia Legal.

O encontro foi conduzido pelo presidente do Conselho Estratégico, Antônio Silva, que também é presidente da Federação das Indústrias do Estado do Amazonas. Durante o evento, Marcelo Thomé ressaltou a atuação dos novos associados em áreas estratégicas, desde a produção e distribuição de energia até soluções tecnológicas para as empresas.

“Isso é fundamental, porque a Amazônia tem diversas realidades locais e as oportunidades de negócios sustentáveis estão em todos os segmentos produtivos, na indústria, serviços, comércio, agricultura, até o extrativismo”, afirma.

Multimídia

MetaIndústria