E-book reunirá 100 casos de uso de Inteligência Artificial em empresas

E-book reunirá 100 casos de uso de Inteligência Artificial em empresas

Magazine Luiza, Quinto Andar, Ifood e Embraer são algumas das empresas com exemplos bem-sucedidos de uso de IA que farão parte desta publica

A Inteligência Artificial deixou de ser tema apenas de ficção científica e está cada vez mais presente no dia a dia das pessoas e das empresas.  Em todo o mundo, 74% das organizações passaram a explorar ou utilizar IA em suas rotinas no último ano, revela o relatório IBM Global AI Adoption Index 2021. No Brasil, o uso de IA pelo setor produtivo começa a ganhar terreno. A expectativa é que esse tipo de tecnologia e solução devam impactar 27% da força de trabalho no país, de acordo com o estudo Experiência do CAF.

Onde estão essas soluções, como estão sendo utilizadas e qual o seu impacto nas empresas? O mapeamento de IA no setor produtivo que está sendo feito pela Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI) em parceria com o I2AI (International Association of Artificial Intelligence) vai responder a essas questões. O estudo inédito no Brasil será lançado no segundo semestre deste ano em um e-book e reunirá 100 casos. O mapeamento trará experiências que estão sendo utilizadas em empresas como o Magazine Luiza, Quinto Andar, Sul América Saúde, Ifood e Embraer, por exemplo.

“Há casos muito bem-sucedidos onde apenas uma nova versão de um algoritmo de Inteligência Artificial aumentou em 20% a conversão em vendas”, comenta Alexandre Del Rey, CEO e cofundador da I2AI. “Os projetos de Inteligência Artificial aumentam produtividade, a personalização em massa no atendimento, previsibilidade, assertividade em recomendações e diminuem riscos de várias naturezas”, afirma.

O e-book trará casos de uso de empresas brasileiras nas mais variadas áreas, como comércio, saúde e agronegócio, mostrando a diversidade e o potencial de aplicação de Inteligência Artificial no país. “Temos certeza que este material ajudará empresas e profissionais a se inspirarem em como também usar a Inteligência Artificial em suas organizações como forma de consolidar suas jornadas de Transformação Digital.” complementa Del Rey.

O estudo está sendo feito por meio da coleta de dados com os associados da I2AI; através de questionário e de casos publicados na internet; e nos portais dos grandes players de tecnologia (pesquisa secundária); além de verificação nos relatórios existentes de mapeamento de startups e soluções.

A partir desse mapeamento inicial (screening) estão sendo feitas entrevistas com as empresas para se aprofundar na solução e caso de sucesso. Na última etapa do levantamento, será realizada a atualização da listagem, a categorização, análise de clusters e principais insights.

“Para a ABDI, é importante conhecer essa realidade que começa a fazer parte da agenda estratégica do setor produtivo brasileiro. Esse levantamento inédito permitirá à Agência identificar essas experiências, mapear o conhecimento da tecnologia e difundir como ela está sendo utilizada”, explicou Bruno Jorge, gerente da Unidade de Difusão de Tecnologias da ABDI.

Estima-se que até 2030 a Inteligência Artificial vá contribuir com US$ 13 trilhões no PIB  mundial (Mckinsey Global Institute), e pesquisa global recente da New Vantage Partners já indica que 92% das grandes empresas relataram que estão obtendo retornos relevantes nos projetos de IA. A mesma porcentagem (92%) relatou que estão aumentando os investimentos em projetos de dados e de IA. Em 2019, dados do MIT Sloan Management Review e Boston Consulting Group AI apontava que 7 em cada 10 empresas tinham tido retorno mínimo (ou nenhum) nos investimentos em IA.

Apesar dos obstáculos já conhecidos, tais como, dificuldades de recursos humanos, integração com sistemas e processos existentes, digitalização tardia, dentre outros, IA é a ponta de um iceberg muito maior chamado transformação digital. E esse iceberg parece estar apenas começando a se mover em um mar de oportunidades.

ABDI

A Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI) formula e executa ações que contribuem para o desenvolvimento do setor produtivo nacional. Sua missão é estimular a transformação digital dos negócios, com vistas para o aumento da produtividade, competitividade e lucratividade. A ABDI também incentiva testes com novos modelos de negócios e uso de tecnologias em cidades inteligentes. A Agência é indutora da cultura de digitalização na economia nacional, gera inteligência competitiva e é responsável pela articulação entre agentes públicos e privados, sempre com o foco no desenvolvimento econômico e social do país.

I2AI

A I2AI (International Association of Artificial Intelligence) e´ uma associação sem fins lucrativos que tem o propósito de promover o desenvolvimento de Inteligência Artificial nas sociedades em que atua para capacitar e tornar mais competitivo o país frente às grandes mudanças que o potencial disruptivo desta tecnologia ira´ causar na economia mundial. Com escritórios em São Paulo, Lisboa e Munique, a associação trabalha como conector do ecossistema, reunindo profissionais, startups, empresas, academia, governo e investidores para acelerar carreiras, negócios e países na adoção de tecnologias ligadas a` Inteligência Artificial.

Multimídia

MetaIndústria

Mais Vistas