ENCONTRE AQUI

ABDI e Anatel divulgam relatório preliminar de testes com 5G

Primeira fase de testes para rede privada 5G é detalhada no relatório entregue pela empresa WEG e V2COM. Análises indicam resultados positivos

CCOM | 25/08/2021

A Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI) e a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) tornam público o relatório executivo preliminar dos primeiros testes de redes privadas com uso da tecnologia 5G em ambiente industrial.

Confira aqui o relatório.

Os testes foram realizados no âmbito da parceria entre a ABDI e a Anatel, firmada em novembro de 2020, com o objetivo de testar as redes privadas com o uso da tecnologia 5G. O acordo entre as Agências prevê a realização de testes em três ambientes: industrial, cidades e agronegócio.

A primeira fase dos testes práticos foi feita, em ambiente industrial, por meio de convênio entre a ABDI e a empresa WEG. As análises de conectividade à rede 5G do Open Lab WEG/V2COM foi concluída no final de julho. E os resultados, segundo a WEG e a V2COM, mostram que a tecnologia 5G proporciona níveis de segurança, qualidade de tráfego, estabilidade e alta velocidade superiores aos oferecidos anteriormente pelo 3G e o 4G. Os testes foram realizados em uma das fábricas da WEG, em Jaraguá do Sul (SC). 

Segundo o relatório executivo, com base nos testes realizados até o momento, é possível afirmar que o 5G permitirá, em seus aspectos técnicos, a criação de novos casos de uso na Indústria 4.0 e a massificação de casos de uso já existentes. O relatório final trará recomendações de instalação e operação dessas redes.

“Ao tornar público o relatório, a ABDI cumpre sua missão de oferecer ao setor produtivo informações sistematizadas e confiáveis sobre a efetividade da rede e viabilidade de adoção da tecnologia 5G em redes privadas”, afirma o presidente da ABDI. Para a Anatel, os resultados práticos desta fase contribuem para a avaliação da potencialidade do 5G, especialmente em relação às características da operação, observados os limites de irradiação de potência definidos em regulamentação.

Sobre a ABDI

A Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI) trabalha para que o setor produtivo nacional aumente sua produtividade, competitividade e lucratividade. A partir da formulação de programas e serviços, a ABDI contribui de forma efetiva para o desenvolvimento econômico. A atuação tem, mais recentemente, se concentrado no incentivo à transformação digital, novos modelos de negócios e uso de tecnologias em cidades inteligentes. A ABDI é indutora da cultura de digitalização na economia nacional, gera inteligência competitiva e é responsável pela articulação entre agentes públicos e privados, sempre com o foco no desenvolvimento do setor produtivo brasileiro.