ENCONTRE AQUI

ABDI lança consulta pública sobre a Plataforma BIMBR

Sugestões de usuários vão contribuir para otimizar a experiência na plataforma que hospeda a maior biblioteca pública BIM do mundo

CCOM | 02/04/2021

A metodologia BIM (Building Information Modelling, da sigla em inglês) ganha cada vez mais projeção na construção civil brasileira pela sua capacidade de aumentar a produtividade da construção civil, reduzir os custos de produção, incentivar a concorrência no mercado e ampliar a transparência nas obras públicas em todo o país.

Lançada em 2018 pelo Governo Federal, a Plataforma BIMBR é administrada pela Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI) e hospeda a Biblioteca Nacional BIM (BNBIM), que atualmente conta com mais de 100 mil downloads de objetos BIM realizados, cerca de 1.800 objetos disponíveis e aproximadamente 9.800 usuários cadastrados.

Com o fim de atualizar a plataforma e adequá-la às novas necessidades dos usuários, a ABDI vai lançar uma consulta pública para ouvir as sugestões dos seto res de Arquitetura, Engenharia e Construção (AEC). A consulta ficará disponível no período de 05 até 23 de abril.

Com os resultados, a ABDI espera entender o perfil dos usuários e as novas demandas do mercado, para, em seguida, aprimorar a ferramenta e aprimorar sua contribuição para o setor produtivo.

Para participar, clique aqui.

O que é o BIM

A metodologia BIM permite aos profissionais projetar, construir e operar o empreendimento, durante todo o ciclo de vida da construção, com uso de tecnologias que identificam com antecedência os gargalos dos projetos, o que previne desperdícios e otimiza a execução das obras.

O que é a Plataforma BIMBR 

Prevista expressamente na política nacional de BIM (Decreto 9.377/2018), a Plataforma BIMBR possui conteúdo dinâmico sobre a Modelagem da Informação da Construção e hospeda a Biblioteca Nacional BIM (BNBIM), com o objetivo de se tornar um repositório de bibliotecas virtuais BIM no Brasil. A metodologia de upload de objetos e componentes BIM segue o estabelecido em um regulamento técnico que institui critérios e requisitos mínimos de uso e que garante a manutenção do padrão de qualidade e consistência nos dados de todo conteúdo carregado na Plataforma. A dinâmica de upload e download de objetos da Plataforma BIMBR permite que qualquer usuário que observe os requisitos necessários, possa disponibilizar seus objetos na BNBIM, contribuindo, assim, para a geração de valor para toda a cadeia da construção civil.
Acesse aqui a e conheça a Plataforma BIMBR.