ENCONTRE AQUI

Digital BR mobiliza redes de inovação e alcança diversos segmentos da economia

Os projetos submetidos ao Digital.BR alcançam oito estados do Nordeste e um do Sudeste, 43 municípios, 03 setores econômicos e mobilizam 105 instituições.

Kátia Maia | 25/08/2020

Os 24 projetos submetidos ao programa Digital BR, lançado pela Agência Brasileira de Desenvolvimento industrial (ABDI), abrangem 43 municípios de oito estados da região Nordeste e um – Colatina – do Espírito Santo, todos inseridos no Plano de Desenvolvimento Regional do Nordeste (PRDNE), publicado pela SUDENE. A maioria das cidades alcançadas pelas propostas apresentadas está localizada no estado da Bahia, sendo dez ao todo. Em seguida, destacam-se Piauí e Ceará, com sete e seis municípios, respectivamente; e Maranhão e Paraíba, com cinco cada;  além de Pernambuco (4), Rio Grande do Norte (3) e Alagoas (2).

O programa está voltado para a transformação digital de empresas sediadas nos municípios polo do PRDNE, e exige que os projetos sejam implementados por, pelo menos, três instituições (de natureza pública ou privada), de forma a mobilizar os ecossistemas de inovação locais. As propostas apresentadas envolvem a participação de 105 instituições, principalmente universidades e centros de pesquisa (16), entidades do Sistema S (15) e secretarias de governo estaduais, municipais e distritais (14). 

Os 24 projetos inscritos abrangem segmentos econômicos diversos, como indústria e comércio (com 17 projetos); serviços (16); agroindústria (6); e construção civil (2).  Cada proposta pode envolver mais de um setor.  A ABDI investirá um total de R$ 14 milhões no Digital BR. Os projetos estão em fase de avaliação por uma banca formada por representantes do Ministério da Economia, Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI), Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), Instituto de Pesquisa Econômica e Aplicada (IPEA), e Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). A banca foi definida por meio da Portaria no. 35, de 17 de agosto, publicada pela ABDI. 

Serão selecionados 20 projetos para participar da etapa de refinamento do Programa Digital BR. O resultado deverá ser divulgado no dia 27/08. A partir da divulgação, o edital prevê a fase de apresentação de recursos e contrarrazões e a análise dos mesmos. Concluída essa fase, será publicado o resultado final.

O programa Digital BR prevê três fases: a primeira de aperfeiçoamento dos projetos, quando as redes proponentes receberão suporte metodológico, mentorias e ferramentas de design, auxiliando-as a qualificarem melhor suas iniciativas. Nessa fase não há aporte de recursos, o que acontecerá apenas na etapa seguinte, a de implementação do projeto piloto, e, na última fase, de escala do projeto. 

Na fase de piloto, o investimento será entre R$ 500 mil e R$ 1,5 milhão por projeto. Na fase de escala, serão aportados os mesmos valores por projeto. Portanto, o aporte pode chegar a R$ 3 milhões por projeto. 

Quer saber mais sobre o Digital.BR?  Clique Aqui