Segurança da fronteira Brasil -Venezuela terá inteligência artificial

Segurança da fronteira Brasil -Venezuela terá inteligência artificial

Projeto FronteiraTech da ABDI será lançado em Pacaraima (RR) em evento com Governo de Roraima e Polícia Federal

A Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI) e o Governo do Estado de Roraima assinam, nesta terça-feira (13/10), em Boa Vista (RR), Memorando de Entendimentos para a implantação do FronteiraTech, iniciativa que visa a utilização de tecnologias como IoT (Internet das Coisas) e inteligência artificial em favor da segurança pública em zonas de fronteira. O evento de assinatura contará com a presença do presidente da ABDI, Igor Calvet, do governador do estado, Antonio Denarium, e representantes da Polícia Federal.

Os equipamentos serão instalados no município de Pacaraima, que fica na fronteira entre Brasil e Venezuela, região com um alto fluxo de pessoas e veículos. Em Pacaraima, a ABDI investirá R$ 3,1 milhões para a instalação e manutenção dos equipamentos, além da licença dos softwares por três anos. “É missão da ABDI promover a adoção e a difusão de tecnologias com o objetivo de melhorar a vida das pessoas e ao mesmo tempo estimular toda a cadeia produtiva associada”, explica Igor Calvet.

Tecnologia de fronteira

Com o novo sistema, o controle migratório contará com recursos tecnológicos de ponta. Serão instalados equipamentos como luminárias inteligentes com dimerização (10); luminárias inteligentes com câmeras de vigilância integradas (20); software de reconhecimento facial; câmeras de sensoriamento do tipo speed dome (4); datacenter para armazenamento e processamento de imagens e dados; telas de videowall; câmeras de reconhecimento de placas de veículos (4); software de reconhecimento de placas; além de um drone com câmera termográfica.

Todo o controle será realizado por um Centro de Controle Operacional, instalado na divisa, e operado com apoio dos órgãos de segurança pública e inteligência federais. O uso das tecnologias vai gerar informações em tempo real, o que deverá impactar de imediato no serviço prestado pelos órgãos de segurança e inteligência na região.

Esta será a segunda experiência do FronteiraTech. Em dezembro do ano passado, a ABDI instalou, em parceria com a Receita Federal, o projeto na Ponte Internacional da Amizade, em Foz do Iguaçu (Paraná), divisa do Brasil com o Paraguai. Em Foz, o FronteiraTech tem o objetivo de reforçar o controle aduaneiro.  

 

Multimídia

MetaIndústria

Mais Vistas