Seminário da ABDI debate uso de IA no setor produtivo brasileiro

Seminário da ABDI debate uso de IA no setor produtivo brasileiro

Atores do ecossistema de inovação irão discutir o desenvolvimento de soluções de IA, situação da tecnologia no país e no mundo, entre outros

A Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), em parceria com o grupo O Globo, promove, no próximo dia 30, o seminário “Inteligência Artificial: presente e futuro”. O evento irá reunir atores do setor, representantes da indústria e da academia, bem como entidades ligadas ao tema, para debater o uso de IA no setor produtivo brasileiro e apresentar casos de sucesso que possam inspirar outras empresas a investir na tecnologia.

Bernardo Mello Franco, jornalista de O Globo, será o mediador das mesas redondas, em que serão discutidas quais as tendências e quais países estão à frente do debate, como o Brasil está posicionado nas questões de regulação, incentivos e desenvolvimento de soluções de IA, além de casos de resolução de problemas globais com o uso da tecnologia.

O contexto internacional será apresentado pela head do Observatório de IA da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), Karine Perset. Como o Brasil se encontra nessa corrida tecnológica e como incentivar o desenvolvimento da IA no país também serão pontos do debate.

Para o presidente da Agência, Igor Calvet, a ABDI tem colaborado na disseminação da cultura da Inteligência Artificial. “Acompanhamos os movimentos globais de IA e temos investido em pilotos na indústria, na capacitação de pessoas do setor industrial para desenvolvimento de projetos, além de reunirmos casos de aplicação de IA no setor produtivo brasileiro”, afirmou. Alguns desses casos serão apresentados no seminário.

De acordo com a PwC, empresa de consultoria e auditoria, a IA permitirá que as organizações sejam 40% mais eficientes até 2035, inserindo cerca de US$ 14 trilhões em novos valores econômicos para o PIB global em 2030. Para o mesmo ano, espera-se um aumento de 5% no Produto Interno Bruto (PIB) da América Latina em virtude dessa tecnologia, segundo estudo global da McKinsey.

“Como se pode ver, os sistemas de IA têm sido cada vez mais indispensáveis para a coordenação da oferta e demanda de bens e serviços, sejam eles públicos ou privados, com impactos importantes no exercício de direitos e no acesso a benefícios”, afirma o gerente da Unidade de Difusão de Tecnologias (UDT) da ABDI, Bruno Jorge. Para ele, isso faz com que a tecnologia seja a maior oportunidade comercial no ambiente de negócios em rápida mudança, ao mesmo tempo que melhora a qualidade de vida dos cidadãos.

Serviço
Seminário “Inteligência Artificial: Presente ou Futuro”
Quando: 30 de novembro, das 14h às 16h30
Programação, informações e inscrições
O evento terá transmissão online pelas redes da Época Negócios.

 

Multimídia

MetaIndústria

Mais Vistas