Consulta Pública da ABDI traça o perfil dos usuários da Plataforma BIMBR

Consulta Pública da ABDI traça o perfil dos usuários da Plataforma BIMBR

Mais de mil pessoas do setor de Arquitetura, Engenharia e Construção Civil (AEC) responderam à pesquisa. O objetivo era entender as novas de

A metodologia BIM (Building Information Modelling, da sigla em inglês) é uma das principais inovações tecnológicas em prol da transformação digital no setor de arquitetura, engenharia e construção (AEC). A Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI) está inserida nesse contexto com a política setorial de difusão do BIM no país por meio do desenvolvimento da Plataforma BIMBR e sua Biblioteca Nacional BIM (BNBIM), e da oferta de capacitação básica na metodologia para o setor privado.

Com o fim de atualizar a plataforma e adequá-la às novas necessidades dos usuários, a Agência lançou uma consulta pública para ouvir as sugestões dos setores diretamente envolvidos com a metodologia. De acordo com o levantamento, 66% dos respondentes fazem o upload e download de objetos BIM da Biblioteca Nacional (BNBIM) e mais de 70% dos respondentes consideram que bibliotecas BIM são importantes no seu ramo de atuação. Além disso, 89% dos entrevistados consideram que a ABDI deve continuar com o trabalho de disponibilização da Biblioteca, do incentivo à capacitações e de disseminação de conteúdo relacionado ao tema. 

A biblioteca é um repositório colaborativo de objetos BIM no país e depende da participação ativa do mercado no seu povoamento. No entanto, a consulta pública chamou atenção para o fato de o mercado não ter entendido a importância do seu papel neste cenário. Apesar de terem indicado que a iniciativa deva ser continuada, um número expressivo de respondentes considera que o governo federal é quem deveria inserir novos objetos na BNBIM. 

Na análise dos resultados da pesquisa foi possível perceber também que, para além da Biblioteca, outras frentes de atuação da Plataforma BIMBR, como publicação de artigos, vídeos, matérias e, em especial, capacitação têm ganhado espaço no ecossistema de BIM nacional. A maioria (81,3%) dos visitantes busca por objetos BIM; seguido por aulas de capacitação (65,7%); 60,7% dos entrevistados procuram matérias, artigos e eventos e 56,7% buscam por Networking e Guias.

O Democratizando BIM foi um dos destaques mencionados entre os participantes. A maioria considera que há um baixo conhecimento técnico sobre a metodologia dentro da sua área de atuação e o desconhecimento das vantagens relacionadas a bibliotecas BIM. 

O que é o BIM

A metodologia BIM permite aos profissionais projetar, construir e operar o empreendimento, durante todo o ciclo de vida da construção, com uso de tecnologias que identificam com antecedência os gargalos dos projetos, o que previne desperdícios e otimiza a execução das obras.

O que é a Plataforma BIMBR

Prevista expressamente na política nacional de BIM (Decreto 9.377/2018), a Plataforma BIMBR possui conteúdo dinâmico sobre a Modelagem da Informação da Construção e hospeda a Biblioteca Nacional BIM (BNBIM), com o objetivo de se tornar um repositório de bibliotecas virtuais BIM no Brasil. A metodologia de upload de objetos BIM segue os critérios definidos pelo seu regulamento técnico, de modo a espelhar os padrões estabelecidos pela ABNT, garantindo a manutenção do padrão de qualidade e consistência nos dados de todo conteúdo carregado na Plataforma.  A dinâmica de upload e download de objetos da Plataforma BIMBR permite que qualquer usuário que observe os requisitos necessários, possa disponibilizar seus objetos na BNBIM, contribuindo, assim, para a geração de valor para toda a cadeia da construção civil.
Conheça a Plataforma

Multimídia

MetaIndústria

Mais Vistas