Empresa chinesa sinaliza parceria com ABDI em energias renováveis

Empresa chinesa sinaliza parceria com ABDI em energias renováveis

Missão da Agência à China começou em 20/11 com visitas a empresas locais

A missão da Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI) à China, iniciada em 20/11, foi encerrada nesta sexta-feira, 24/11, após visitas institucionais da Agência às empresas BYD, Norinco, Huawei e Sinoruse, atuantes na cadeia produtiva de energia fotovoltaica.

Durante a missão, a diretora de Economia Sustentável e Industrialização da ABDI, Perpétua Almeida, e o gerente da Unidade de Nova Economia e Indústria Verde da Agência, Marcelo Gavião, conheceram o modelo produtivo das empresas e trataram sobre parcerias que garantam a transferência de tecnologia e fortaleçam o desenvolvimento do setor de energias renováveis do Brasil.

Nesta sexta-feira, Perpétua e Marcelo visitaram a Norinco, empresa chinesa que fabrica veículos, máquinas e equipamentos militares. Localizada em Beijing, capital da China, a empresa também produz painéis solares em parceria com a JA Solar. 

De acordo com a diretora, a Norinco sinalizou positivamente a uma possível parceria com a ABDI. “A Norinco vai encaminhar à ABDI proposta de trabalho conjunto para o desenvolvimento da cadeia produtiva da fotovoltaica e de projetos de defesa e segurança. Estou animada com as possibilidades de parcerias que podemos construir para ajudar o Brasil no desenvolvimento da sua indústria”, disse.

Mais Energia Mais Brasil

A primeira visita da missão da ABDI foi à empresa BYD, importante fabricante mundial de painéis solares e carros elétricos localizada em Shenzhen, no sul da China.

Em 22/11, na mesma cidade, a diretora e o gerente da Agência visitaram a Comissão Nacional de Desenvolvimento, que desenvolve um projeto de usinas de geração de energia solar que, segundo Gavião, se assemelha ao projeto Mais Energia Mais Brasil – Usinas Sociais de Geração de Energia Solar.

“São mais de 1.500 miniusinas que funcionam em sistemas com armazenamento ou diretamente integradas à rede de energia que abastecem diversos sistemas, como os de recarga de carros elétricos. Uma construção muito parecida com a nossa proposta de Usinas Sociais de Geração de Energia Solar. Foi excelente ver em operação, aqui, o que estamos propondo para o Brasil. Voltaremos dessa experiência ainda mais convencidos do quão importante é esse projeto que estamos gestando na ABDI. Vamos acelerar o desenvolvimento nacional aproveitando todas as oportunidades do momento”, destacou.

Multimídia

MetaIndústria

Mais Vistas